quarta-feira, maio 14, 2014

luta [poema 11]

Faz-se luta em mim
É que Deus entrou!

8 comentários:

Anónimo disse...

Muito interessante.
Curto, mas intenso...
Faz mesmo pensar. Bjs

PR disse...

"Faz-se luta em mim
É que Deus entrou!"

E depois de entrar não sai facilmente, ou melhor não sai.

Sinto-me impotente... e tal como sei que é Ele que ama em mim e através de mim sei também que é Ele que Luta em mim e por mim...

Um dia ajoelhada de mãos dadas entreguei-me nas Tuas mãos, sem reservas, começou a batalha.

Mais um momento único e brilhante.

Anónimo disse...

Padre, permite-me uma pergunta ousada. A luta que sentes, não seria quando Deus entrou na tua casa e a encontrou em desordem?...
Ou lutas por algo mais?
Obrigado.
Um abs.

Anónimo disse...

Gostei do seu poema! Fiqei a rezar por si para sair vencedor da luta que travou com Deus, desde que Ele entrou em sua casa. Ou será que já vivia em luta antes de Deus entrar?
Todos nós temos que lutar, para alcançar a melhor partida que deus nos oferece.
Bom dia.

Ruth Bassi disse...

Padre,
Penso que é bem real e intenso o teu poema. Se Deus entra em nós não mais paramos de lutar para que Ele permaneça em nós, tentando e desejando agradar-Lhe e segui-Lo.
Abraço
Ruth

Cláudia disse...

para mim é mais

'Faz-se luta em mim
É que Deus passou
E não ficou'

Aguardemos, então.

Anónimo disse...

Para mim lindo e profundo poema!...
Faz-se luta em mim, porque não sou capaz de acolher no meu coração o Deus que quer entrar e ficar...
Boa tarde.
Bjs.

Anónimo disse...

Padre tu tens o Espírito de Deus em ti! Falas com Espírito e vida.
Eu também penso que as nossas lutas interiores estão por vezes relacionadas com a nossa aceitação de Deus na nossa vida. Se eu me entrego a Ele totalmente faz-se paz dentro de mim. Quando não me entrego, aí começa a luta...
Se me ajoelho diante de Deus e Lhe entrego a minha vida, permaneço na via do amor. Se recuso, então a luta continua.
Obrigado. Que Deus entre e fique sempre contigo.
bjs.